BAGDÁ - Doze carros-bomba explodiram no Iraque nesta segunda-feira, matando ao menos 44 pessoas em áreas predominantemente xiitas, informaram a polícia e fontes médicas.

Pel menos dez pessoas morreram quando dois carros-bomba explodiram perto de uma estação de ônibus na cidade de Kut, a 150 quilômetros a sudeste da capital, informou a polícia.

Mais quatro morreram em uma explosão na cidade de Mahmoudiya, a cerca de 30 quilômetros ao sul de Bagdá.

Os outros atentados ocorreram ao redor de Bagdá, na cidade de Sadr, e nos bairros de Habibiya, Hurriya, Bayaaa, Ur, Shurta, Kadhimiya e Risala.

A implacável campanha de atentados e tiroteios mataram cerca de 4 mil pessoas no Iraque desde o início do ano, de acordo com o grupo Iraq Body Count que monitora a violência no país.

A violência aumentou os temores de um retorno ao conflito em um país onde os curdos, xiitas e sunitas muçulmanos ainda têm de encontrar uma forma estável de partilha de poder.

Nos últimos meses, militantes sunitas têm um novo impulso à sua insurgência contra o governo liderado pelos xiitas, batendo com uma ferocidade não vista em anos. Somente em julho, mais de 810 pessoas perderam suas vidas em ataques de militantes.

As tensões sectárias na região têm sido inflamadas pela guerra civil na vizinha Síria, que tem atraído xiitas e sunitas do Iraque para além da batalha em lados opostos.

Publicidade:



Fonte: http://oglobo.globo.com/mundo/ataques-com-12-carros-bomba-matam-44-no-iraque-9255446